APCEF/SE ingressa com denúncia no MPT contra a exposição ao Coronavírus

0
229

Com o decreto de calamidade pública, muitos trabalhadores estão em casa para evitar o surto de contaminação do Coronavírus (Covid-19). Para que os bancários da Caixa tenham direito à devida proteção, a APCEF/SE protocolou na sexta-feira (20/3) uma denúncia no Ministério Público do Trabalho.

O presidente da APCEF/SE, Diogo Melo, alertou que além das aglomerações em frente ao banco antes da abertura das agências, ainda existem as medidas econômicas do Governo Federal, a exemplo de liberação de FGTS e taxas reduzidas de empréstimo consignado para INSS. Tudo isso tende a lotar as unidades em busca desses benefícios, expondo ainda mais os bancários da Caixa à pandemia internacional.

“O tempo vai passando, a pandemia vai se alastrando e o empregado Caixa vai sendo submetido a um trabalho que não favorece em nada a sua saúde. São agências cheias com aglomerações de pessoas desde a porta. Depois as pessoas adentram as agencias para ter contato com o empregado caixa que está ali totalmente desprotegido”, revelou Diogo Melo, presidente da APCEF/SE.

Nesta semana que se inicia, a APCEF/SE segue com uma agenda de ações em busca de apoio na luta em defesa da saúde e vida dos empregados da Caixa contra o Coronavírus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here