Participe do tuitaço e da live que marcarão o grande ato em Defesa da Caixa, nesta quarta (23)

0
40

A população brasileira precisa saber o quanto a Medida Provisória 995 é prejudicial à Caixa Econômica e ao desenvolvimento do país. É o que será difundido, nesta quarta-feira (23/9), no grande ato em defesa da Caixa, com tuitaço e live de mobilização. Às 18h publique #MexeuComACaixaMexeuComOBrasil e #MP995Não. Às 19h, o debate on-line pelo Facebook da Fenae abre espaço a parlamentares, sociedade e diversas entidades representativas dos trabalhadores para falarem sobre a trama do governo federal em desmantelar o nosso maior banco público.  

A MP 995/2020 que permite a abertura de capital das subsidiárias da Caixa foi publicada na noite do dia 07 de agosto, em edição extra do Diário Oficial da União, com o objetivo de desmembrar e privatizar a Caixa Econômica Federal.
 
Um dos expositores do ato virtual, o presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Sergio Takemoto, convida os empregados da Caixa e sociedade a se somarem na corrente de alerta e denúncia aos danos que o fatiamento da Caixa trará ao país. “Temos unidade nesta luta e contamos com diferentes segmentos sociais que conhecem a importância de um banco público. Participe também”, convida. Acesse o Manifesto contra a MP.  

Mobilizar o Congresso  
 
Erika Kokay (PT-DF) – A deputada que está na linha de frente em defesa dos bancos públicos participa do ato. “O Brasil está nos chamando! Mexeu com a Caixa, mexeu com o Brasil”, sustenta, ao lembrar que a Caixa não pertence ao governo – mas sim ao povo brasileiro. 

Zé Carlos (PT-MA) – O deputado federal complementa: “Precisamos debater este assunto. A MP 995 não pode ser aprovada no Congresso”. Não se pode admitir uma medida que autoriza o governo federal a passar por cima do Congresso Nacional e do Supremo Tribunal Federal para fatiar a Caixa em subsidiárias que poderão, posteriormente, ser tiradas do Estado e divididas com investidores. 
 
Marcelo Freixo (Psol/RJ) – O deputado lembra que os maiores interessados em acabar com a Caixa são os bancos privados. “A Caixa tem diversos projetos sociais e financiamentos que são da maior importância. Privatizar a Caixa é ilegal, inconstitucional e imoral”, sintetiza. 

Entre outras frentes como banco público, a atuação da Caixa no fomento às políticas urbanas habitacionais e de saneamento é estratégica na superação dos problemas vividos pela população que mora nas regiões periféricas das cidades, em situações de vulnerabilidade. 

Tuitaço  
 
A ideia é ocupar o Twitter – a rede azul – com as hashtags #MexeuComACaixaMexeuComOBrasil e #MP995Não, chamando a atenção da sociedade sobre a necessidade de frear a privatização da Caixa. Acompanhe a ação pelo perfil @fenaefederacao e junte-se à luta!  
 
Defender o Brasil  
 
No mundo todo, a pandemia está sendo combatida com mais eficiência onde há um Estado presente. Na contramão deste movimento, o governo Bolsonaro segue com ataques às empresas públicas e, principalmente, aos bancos públicos.  
 
Imprescindível ao atendimento à população para o pagamento da renda básica emergencial – entre tantos outros serviços – fica evidente que defender a Caixa é defender o Brasil. Nessa perspectiva, Takemoto reforça a necessidade de pressionar o legislativo contra a MP 995. “Nós temos alertado todos os dias sobre os danos que o fatiamento da Caixa trará ao país”. 

Grande Ato em Defesa da Caixa 

23 de setembro 

18h: tuitaço (Publique com #MexeuComACaixaMexeuComOBrasil e #MP995Não) 

19h: Live no Facebook da Fenae. 

Primeiro bloco da live com parlamentares 

Deputada Federal Erika Kokay (PT-DF) 

Deputado Federal Zé Carlos (PT-MA) 

Deputado Federal Rogério Correia (PT-MG) 

Deputado Federal Daniel Almeida (PCdoB-BA) 

Sergio Takemoto – presidente da Fenae 

Segundo bloco da live com entidades 

Sergio Takemoto – Presidente da Fenae 

Juvandia Moreira Leite – presidenta da a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro da Central Única dos Trabalhadores (Contraf-CUT) 

Pedro Sérgio dos Santos Barbosa – vice-presidente da Federação Nacional das Associações dos Gestores da CAIXA (Fenag) 

Edgard Antonio Bastos Lima, presidente da Federação Nacional das Associações de Aposentados e Pensionistas da Caixa (Fenacef) 

Geraldo Aires da Silva Junior, diretor Regional da Associação Nacional dos Engenheiros e Arquitetos da Caixa (Aneac). 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here