A reunião ordinária do Grupo de Trabalho Saúde Caixa que aconteceria nesta quinta-feira (11) foi cancelada. O agravamento da pandemia, inclusive entre os empregados, provocou reuniões urgentes entre o Comando Nacional dos Bancários e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) para cobrar medidas para proteger a categoria e a população.

Na próxima reunião, que deve acontecer no dia 18, será retomada a análise dos dados sobre custeio e gestão do plano de saúde dos empregados do banco.

Esse tema começou a ser debatido na reunião do GT realizada em 25 de fevereiro. Os representantes da Caixa apresentaram dados demográficos e informações financeiras.

Na análise do material apresentado, os representantes dos empregados avaliaram a necessidade de dados complementares que devem impactar a avaliação atuarial, como custo médio por sinistro e informações ligadas à gestão do plano.

O GT Saúde Caixa, conforme o acordo coletivo 2020/2022, foi criado para estudar o custeio e gestão do plano de saúde dos empregados. O grupo paritário, composto por representantes dos empregados e da Caixa, deve apresentar um formato de custeio e gestão do plano até o dia 31 de julho de 2021.

Posteriormente, as propostas serão encaminhadas para debate na mesa permanente. A (s) melhor (es) proposta (s) será encaminhada aos empregados para votação até 31 de agosto de 2021. A mais votada será implementada até 2 de janeiro de 2022.

Os integrantes representantes dos empregados no GT Saúde Caixa são: Fabiana Uehara, Leonardo Quadros, Sérgio Amorim, Alexandro Livramento, Lilian Minchin, Marilde Zarpellon e Márcia Krambeck.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *